Cara Cristina, lá fora é o mesmo. De forma que, a solução não é emigrar mas questionar os políticos directamente. Os eleitores devem procurá-los no escritório, no café ou em casa e pedir-lhes responsabilidades directamente.
Diogo a 6 de Outubro de 2009 às 19:06

De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres